Como acabar com o vício do celular: 4 dicas ilustradas para inspirar e ajudar

Quer saber como acabar com o vício do celular? Confira 4 dicas ilustradas para inspirar a atingir esse difícil — mas possível — objetivo.

Você já parou para pensar nisso?

Três horas e trinta e um minutos são gastos, em média, por dia nas redes sociais pelos brasileiros. Sim, você não leu errado, quase 20% do tempo que estamos acordados são gastos nas redes sociais todos os dias.

E esses números até seriam aceitáveis se as consequências não fossem tão perigosas. A ansiedade causada pelas redes sociais, por exemplo, é apenas um dos sentimentos negativos causados pelo excesso de uso do Instagram, Facebook ou YouTube.

Mas não são apenas as redes sociais que atrapalham a nossa vida. O vício no celular, de forma geral, é o que potencializa esse comportamento destrutivo. Assim, é preciso combater esse mal de frente. Saber como acabar com o vício do celular é o primeiro passo para uma vida melhor em todos os aspectos. 

Então, para ajudar nessa tarefa tão árdua, separei 4 dicas — ilustradas por tirinhas — para você repensar seu comportamento com os dispositivos móveis.

Vamos lá?

1. Esteja presente, preste atenção nas coisas em sua volta

Conecte-se com quem realmente importa

Você já parou para pensar quanto tempo passa olhando para a tela do celular e, simplesmente, esquece de tudo ao seu redor?

Quantas vezes você ficou contemplando a vida dos outros e esqueceu de viver a sua? Ver outras pessoas caminhando no parque até pode ser motivador, mas e se você fosse dar a sua própria caminhada no parque?

A mesma coisa vale para os relacionamentos do “mundo real”. Quantas vezes estamos em uma mesa de bar, comendo e bebendo com os amigos, mas não largamos o celular e ficamos no Instagram ou no WhatsApp falando com outras pessoas?

Isso, no mínimo, é uma insanidade sem tamanho — sem contar um desrespeito com aqueles que estão no local. Portanto, onde estiver, esteja mais presente e aproveite o momento. Deixe todo o resto para depois.

Tente praticar sua presença e atenção plena no agora. Foque no hoje. Sinta o momento. Curta o ambiente e viva o agora com entusiasmo.

2. Aceite o ócio criativo e um pouco de tédio

Viva intensamente os momentos de tédio

Do celular para o computador. Do computador para o tablet. Do tablet para a televisão, para ficar navegando no YouTube.

Esse comportamento soa familiar? Pois é assim mesmo que muitos vivem nos dias atuais. Nada de contemplar o silêncio — de aproveitar os sons dos ambientes. Nada de aceitar o ócio e abraçar o tédio.

Nada de curtir os próprios pensamentos.

Sabe quando temos algumas ideias criativas durante o banho? É exatamente por estar em um momento sem estímulos visuais. Ou quando estamos cozinhando, distraídos, com os pensamentos livres, sem notificações ou interrupções. É nossa hora que ficamos a sós com o nosso espírito e deixamos a mente fluir.

Esses momentos são essenciais para a nossa vida, pois são os pequenos momentos de ócio e tédio que possibilitam a conexão de ideias e o despertar da criatividade.

Então, para saber como acabar com o vício nos celulares, uma prática é realmente importante: abrace o silêncio, busque conviver com a sua voz interior mais vezes. Como diria o filósofo francês Jean-Paul Sartre: “Se você se sentir solitário quando estiver sozinho, então você está em má companhia”.

3. Encare os problemas de frente

Como acabar com o vício do celular? Pare de fugir da vida

Ninguém gosta de ter problemas, isso é fato. Mas tentar se esconder das situações ruins é uma atitude ainda pior ainda, pois acabamos alimentando outros sentimentos que podem se tornar bem destrutivos com o tempo.

E é isso que fazemos ao ficar navegando sem rumo no Twitter, Instagram e Facebook. Ou quando, simplesmente, fugimos para a companhia de um dispositivo móvel.

Portanto, nesse processo de aprender como acabar com o vício do celular, precisamos entender quando esses caminhos servem como entretenimento ou uma fuga do mundo real — e dos problemas.

Enquanto seu uso é saudável, tudo bem, não tem problema. Mas o excesso pode indicar uma tentativa de fuga de uma realidade nada agradável — e aí, sim, é que o problema começa.

Então, a nossa terceira dica é: busque sempre o equilíbrio. Se divirta com o smartphone, mas não esqueça que o mundo real — e os problemas — precisam ser encarados em algum momento.

4. Pratique o autoconhecimento

Onde baixo o app do autoconhecimento?

O mindfulness cresceu nos últimos anos pela nossa necessidade de presença. E quando praticamos a presença, estamos nos autoconhecendo e evoluindo no processo.

Mas, para isso ser possível, precisamos nos aceitar como seres imperfeitos, que cometem muitos erros. Às vezes escolhemos os maiores caminhos para atingir a simplicidade, como é a situação que a tirinha acima aborda.

Quão simples é ficar em silêncio, pensando na vida sem fazer nada? Buscamos apps, hacks e cursos para saber como encontrar o nosso “eu interior”, mas esquecemos que basta desligar a televisão e o celular para criar essa conexão.

Mas está tudo bem, pois nem tudo está perdido. No entanto, você vai precisar buscar essa conexão de forma ativa para se tornar alguém melhor. E, felizmente, isso não deverá ser feito pela tela do celular.

Então, largue um pouco o seu dispositivo e vá em busca de saber quem você é, quais são os sentimentos — positivos e negativos — que te afetam e, principalmente, onde está a sua felicidade. 

Certamente, ela não estará na tela de um celular. Portanto, vá atrás do que realmente importa.

Vamos falar mais sobre como acabar com o vício do celular?

Saber como acabar com o vício do celular é tão importante que decidi falar sobre isso em uma live.

Por mais irônico que isso possa parecer, usaremos o YouTube de forma útil, para que você possa refletir e, assim, mudar esse comportamento que pode estar acabando com a sua vida.

Então, aproveite o melhor das redes sociais para adquirir mais conhecimento e refletir sobre essa situação que aflige tantas pessoas — principalmente com a pandemia que vivemos e nos tranca em casa.

Assista a live nesse link (ou logo abaixo), compartilhe com os amigos — reais — e torne o seu relacionamento com o celular mais saudável e produtivo:

https://www.youtube.com/watch?v=Im5_SwFTLcc

Ps.: olha que tirinha legal que surgiu do bate-papo do vídeo acima:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *